De seg. a sex. das 8h às 20h. Sáb. das 8h às 12h

Como perder o medo e a vergonha de ir ao Dentista

Tempo de leitura: 2 minutos

Grande parte da população ainda tem o medo e a vergonha de ir ao dentista, até mesmo para realizar uma simples avaliação de check-up, muitas vezes por medo e a vergonha de ir ao Dentista. O fato é que este comportamento é bastante perigoso, pois a longo prazo, pode desencadear em diversas doenças dentárias e gengivais. Saiba como superar as barreiras que te impedem de cuidar do seu sorriso com as dicas que preparamos neste artigo.

Quais são os fatores que te impedem de sorrir?

VERGONHA

É de conhecimento da maioria dos profissionais dentistas que a saúde bucal do paciente pode variar muito de acordo com os cuidados ou não-cuidados que o mesmo teve ao longo de sua vida. Isso não é algo a ser julgado durante uma avaliação, todos os profissionais são qualificados para cuidar da saúde bucal do paciente independentemente da situação em que ela se encontra.  Por isso, é importante frisar que os problemas que te incomodam só serão resolvidos a partir da sua atitude! Deixe a vergonha de lado, procure um bom profissional e cuide do seu sorriso.

MEDO

É um fato que ainda existam clínicas que não prezam por um espaço humanizado, e isso é algo que conta muito na hora que o paciente está no aguardo do profissional. Isso desencadeia certa ansiedade, e lhe faz pensar que seja algo doloroso e nada confortável.

O que te faz ter medo e como resolver isso?

– Espaços muito pequenos e sem proteção acústica: é algo que assusta, na maioria das vezes faz com que o paciente escute o som dos aparelhos em ação.

Dica: Procure uma clínica acolhedora, que tem como um diferencial um ambiente mais amplo, que lhe proporcione tal comodidade a ponto de você nem perceber que está em um consultório odontológico. Isso irá lhe deixar mais relaxado(a) e o medo será algo a ser esquecido.

– Experiências anteriores negativas: Sentir dor ou desconforto durante algum procedimento odontológico é um dos fatores que mais afastam os pacientes do profissional dentista. Com isso, a pessoa tende a ficar mais ansiosa e receosa em sua próxima visita.

Dica: Faça uma pesquisa com base na dica anterior, procure indicações de pessoas que você confia e invista em profissionais qualificados para cuidar do seu problema.

– Dor durante algum procedimento: A dor é algo psicológico, nem sempre o que foi doloroso para alguns será para outros. Isso também varia muito do tipo de tratamento de cada paciente.

Dica: Tenha intimidade para conversar com o seu dentista sobre os seus receios e medos, inclusive sobre dor. Com isso, é provável que o profissional lhe deixe mais confiante durante o procedimento, e lhe indique as melhores dicas para que você se sinta confortável antes e após o tratamento.

E aí, já se sente preparado para marcar a sua consulta com um profissional Dentista? Com essas dicas ficou mais fácil, né? Fique por dentro das nossas redes sociais – Facebook e Instagram.