skip to Main Content
(21) 98552-2020 (21) 3411-1001
De segunda a sexta, das 8h às 20h. Sábados, das 8h às 12h
Estresse E Saúde Bucal

4 problemas causados pelo estresse na saúde bucal

Tempo de Leitura 2 minutos

O estresse é a resposta física e psicológica do nosso organismo a um estímulo. Por exemplo, ao se deparar com situações que despertam medo, frustração, irritação e desconforto, os níveis de hidrocortisona, cortisol e adrenalina aumentam. Essas substâncias são responsáveis por regular funções corporais, como o sistema imunológico, que pode desencadear efeito pró ou anti-inflamatório. 

Ficar ansioso e estressado em meio a tantas preocupações de rotina é algo comum, principalmente neste período de quarentena. O que muita gente não sabe é que o estresse pode afetar diretamente a saúde bucal, causando os seguintes problemas:

Bruxismo

O Bruxismo é uma desordem funcional que se caracteriza pelo ranger ou apertar dos dentes durante o dia ou, mais comumente, durante o sono. O aumento da ansiedade ou do estresse, bem como sensações de raiva e frustração, podem levar ao ranger dos dentes.

Aftas ou úlceras 

Devido à ação pró-inflamatória do estresse e a disfunção do sistema imune, o surgimento de pequenas feridas avermelhadas na boca é muito comum. A higiene bucal precisa ser um dos grandes alvos do paciente que está estressado. Por isso, é muito importante mantê-la em dia e, caso não consiga, busque a orientação do seu dentista. Existem algumas pomadas que podem ser utilizadas para aliviar o desconforto.

Boca seca  

A xerostomia, conhecida como boca seca, é um dos efeitos mais evidentes do estresse, ela reduz o fluxo de saliva na boca. A saliva é muito importante para manter os tecidos bucais saudáveis e o esmalte dos dentes protegidos. Essa condição pode afetar a mastigação, a fala, o paladar e contribuir para o desenvolvimento de cáries e mau hálito. 

Perder os dentes por estresse: isso é possível? 

Sim, com a rotina de higiene bucal afetada, muitas pessoas acabam desenvolvendo doenças periodontais. Essa enfermidade compromete o tecido ósseo que dá suporte dentário, o que pode levar à perda dos dentes. 

Como o efeito do estresse é gradual e não imediato, você pode realizar uma prevenção para evitar que essa condição desenvolva mais danos à sua saúde, como, praticar mais atividades físicas, fazer consultas periódicas com o seu psicólogo e, principalmente, tentar manter uma rotina de higienização bucal. 

Ficou com alguma dúvida? Siga nossas redes sociais — Facebook e Instagram, e fique por dentro de tudo que acontece na DentCare Center. Até o próximo post!

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top