Atendimento de segunda a sexta, das 8h às 20h e sábado das 8h às 12h


  Contato : Telefone: (21) 3411-1001 | Whatsapp: (21) 98552-2020

Cuidados com a saúde bucal na terceira idade

Uma boca saudável corresponde a dentes, tecidos e ossos sem doença, ou seja, sem inflamações, cáries, infecções ou lesões. Além disso, uma boca que está sendo acompanhada e tratada ou que já passou por reabilitações com um dentista, também é sinônimo de saúde.

Saúde bucal comprometida

Pode-se dizer que um paciente da terceira idade está com a saúde bucal comprometida quando apresenta ausência de um ou mais dentes ou ausência de todos os dentes; os dentes restantes, na sua grande maioria, encontram-se cariados ou moles ou com próteses e restaurações ineficientes, desadaptadas e quebradas. Em casos mais graves, mas não menos frequentes, podem apresentar câncer bucal e lesões traumáticas decorrentes de próteses mal adaptadas ou pequenas. Esses pacientes também estão mais suscetíveis a apresentarem ressecamento bucal por conta da diminuição ou falta do fluxo salivar devido principalmente ao uso crônico de medicamentos.

Isso tudo pode levar a quadros nutricionais baixos em função da mastigação que está prejudicada, além de poder afetar psicologicamente o paciente por conta de uma autoestima baixa, empobrecimento da vida social e outros problemas que influenciam seu desempenho físico e até de saúde geral.

Tipos de tratamentos

Os tratamentos para os pacientes da terceira idade são os mesmos tratamentos que pacientes crianças, jovens e adultos receberiam, sendo tanto preventivos como de correção e reparação. A maior diferença se dá, porém, no foco do problema, diferente de acordo com cada faixa etária.

Tratamento preventivo

É o tipo de tratamento que visa manter tecidos como gengiva, tecido mole, língua e lábios em bom estado e sem lesões traumáticas, inflamações ou infecções.

Nunca é tarde para ter o sorriso que sempre quis

Também tem como objetivo deixar os dentes livres de cáries e tártaro, além de mais firmes no osso, para servirem também de pilares para futuras próteses quando necessário.

O tratamento preventivo inclui a orientação sobre como higienizar adequadamente os dentes, boca e próteses em casa, sobre a frequência com que a higienização deve ser feita e sobre a importância da higienização profissional periódica.

Tratamento de correção ou de reparação

Esse tratamento visa substituir dentes ausentes, tanto por meio de implantes como de próteses. Também remove e controla doenças como cáries, placa bacteriana e tártaro, além de infecções e inflamações dos tecidos. Inclui também tratamento de controle salivar e uso de saliva artificial, além de tratamento e diagnóstico de câncer bucal. É feito por meio de tratamentos de canal, restaurações e raspagens.

Cuidados

O paciente idoso deve ter cuidado principalmente com sua disciplina na hora de higienizar a boca, dentes, próteses e implantes, seguindo à risca as orientações do dentista.

Já seu responsável deve ficar atento. Percebendo qualquer um dos problemas citados acima, o idoso deve ser imediatamente encaminhado para um profissional. Além disso, a visita esporádica é essencial para manter a saúde bucal do idoso em dia evitando problemas futuros.

Por: Dr. Fernando Reis

Fonte: www.doutorfernandoreis.com.br

Deixe uma resposta