Atendimento de segunda a sexta, das 8h às 20h e sábado das 8h às 12h


  Contato : Telefone: (21) 3411-1001 | Whatsapp: (21) 98552-2020

clareamento dental

Afinal, como funciona o clareamento dental?

Ter um belo sorriso não é nada mau, não é mesmo? Dentes bonitos fazem a diferença na vida das pessoas, elevando a autoestima e incentivando os cuidados com a saúde da boca. Hoje em dia, muita gente tem buscado um sorriso perfeito, o que tem aumentando a procura por tratamentos para clarear os dentes. Mas, afinal, como funciona o clareamento dental?

Quer saber mais sobre esse procedimento que tem feito muito sucesso? Continue a leitura e confira!

Conheça a definição do procedimento

Ao longo dos anos, nossos dentes acabam escurecendo. Isso ocorre por diversos fatores, como:

  • consumo de certos tipos de alimentos;
  • tabagismo;
  • má escovação;
  • uso de alguns antibióticos, que pigmentam sua superfície etc.

Não importa o que escureceu seus dentes: isso pode ser resolvido com acompanhamento de um dentista.

Quando alguém se submete ao clareamento dental, o agente clareador penetra na estrutura do dente e reage quimicamente com os pigmentos que o estão escurecendo, quebrando-os em moléculas menores. Dessa forma, a luz é refletida de maneira diferente, fazendo com que os dentes tenham um visual mais claro.

Saiba quais são os métodos existentes

Há diversos meios utilizados para fazer o clareamento dental — alguns em casa, outros em consultório —, porém o ideal é que contar com acompanhamento profissional, para assegurar a eficácia e segurança dos procedimentos. Conheça mais sobre esses métodos.

Clareamento em consultório

Por ser realizada efetivamente por um especialista, essa técnica oferece melhores resultados em menos tempo, além de proporcionar mais confiança ao paciente. Nesse método, o dentista aplica maior concentração de peróxido de hidrogênio, que é a substância utilizada para retirar as manchas dos dentes.

Muito mais comodidade para você

Esse processo pode ser feito em conjunto com a utilização de laser. Seus efeitos são mais evidentes, porém sua durabilidade é menor, quando comparada com a do procedimento feito em casa.

Clareamento em casa

Quem opta por realizar o clareamento em casa deve, conforme orientação de seu dentista, seguir alguns procedimentos, entre os quais, o uso de uma moldeira, fabricada de acordo com o formato da sua dentição. Durante aproximadamente 4 horas diárias você aplica o gel clareador receitado pelo especialista.

Esse procedimento é indicado para quem quer bons resultados, mas sem pressa e sem ter que ir várias vezes ao consultório. Os resultados são mais demorados de serem vistos, porém o resultado dura mais tempo que o realizado a laser.

Clareamento combinado

Nesse método, uma parcela do procedimento é realizada em consultório e a outra em casa. Com a moldeira sob medida, a pessoa aplica parte do gel clareador em casa, e a outra parte é o dentista quem aplica.

Essa é uma ótima alternativa para quem quer acelerar um pouco o resultado — se comparado ao realizado em casa — e ainda economizar, já que esse tratamento costuma ter menor preço que o realizado integralmente no consultório.

Veja algumas restrições do clareamento dental

Em alguns casos, os tratamentos de clareamento dos dentes não são indicados ou podem não gerar os efeitos desejados. Por exemplo, quem sofre de hipersensibilidade não deve realizar o clareamento, assim como quem passou por quimioterapia ou radioterapia há pouco tempo. Além disso, ele não tem efeito em dentes com restauração ou implantes.

Você gostou do nosso texto sobre como funciona o clareamento dental? Então, assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades.

 Dr. Fernando Luiz S. Silva –  CRO-RJ – 23.204

Deixe uma resposta